Ricardo Drubski ressalta que sucesso inicial do Goiás se deve a boa marcação e disciplina tática 6 maio 2014 DRUBSKI

O Goiás conseguiu sua segunda vitória nos três primeiros jogos do Brasileirão Série A, a primeira foi diante do Criciúma e a outra frente ao Atlético(MG).

Após a vitória em Belo Horizonte o comandante técnico Esmeraldino, disse que a cultura da boa marcação em todos os setores do campo será a meta a ser ainda mais trabalhada por ele durante o Campeonato. “Esse é o ideal de jogo. Você pega os melhores times Europeus, exemplos de futebol Mundial, e indiferente do rendimento ou poder de mídia, são jogadores que atacam e marcam. Aqui no Brasil, por cultura, a gente acha que o jogador um pouco mais habilidoso não tem necessidade de jogar. Um campo desse tamanho, 11 contra 11, você não pode abdicar de jogadores que marquem”, frisou Drubski.

Davi que fez um golaço diante do galo mineiro, corrobora com o treinador e aponta um ponto no Goiás que ainda precisa ser melhorado. “O propósito para esse jogo, era marcar bem. Mas ainda falta ter posse de bola”, analisou o meia.

Com inferioridade com a bola nos pés, acaba gerando momentos de perigo para o goleiro Renan que tem tido sorte e competência em vários lances.

O time Esmeraldino que teve folga nessa segunda feira se reapresenta hoje no CT Edmo Pinheiro, o próximo compromisso do Goiás, será Sábado 18:30 contra o Palmeiras em São Paulo. Para essa partida os dois novos contratados, Esquerdinha e Danilo ficam à disposição do Ricardo Drubski.

1 Comentário Quero comentar!

  • OUVI DIZER QUE O JOGO DO GOIAS X BOTA VAI SER EM JUIZ DE FORA, SE FOR VERDADE MAIS UMA PROVA DA INCOMPETENCIA E BURRICE DA ATUAL DIRETORIA, LÁ SO VAI DAR TORCEDOR DO TIME CARIOCA, POR QUE NÃO JOGAR EM ITUMBIARA OU CUIABÁ ? BURROS

    Comentário by MILENE ENDERSEN — 7 de maio de 2014 @ 9:56

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário