Goiás, precisamos falar sobre humildade! 29 novembro 2016 reality

Triste realidade em que temos que viver… Um ano a mais na Série B, um ano a mais tendo que ouvir que somos medíocres, que somos pequenos e que somos a decepção desse estado. Bem, isso não necessariamente de fato vai acontecer, a não ser que o Goiás ressurja com uma campanha de brilhantismo, que supere todas as dificuldades do clube. Isso é difícil de acontecer, afinal de contas, temos que confiar nas mesmas pessoas que afundaram o Goiás para alcançarmos à glória de novo. No mesmo presidente que teve culpa pelos anos patéticos que esteve à frente do clube, no mesmo diretor que teve culpa no rebaixamento e na mesmice de sempre de alguns jogadores que não sabem a importância que é jogar no Goiás.

Todos eles tem sua culpa. E a torcida? Bom, a torcida não. Ninguém merece ir ao estádio com um bando de amadores que sequer honram a camisa do clube. Ninguém merece pagar um sócio-torcedor mal elaborado e que não corresponde as expectativas. Ninguém merece ter que ver os mesmos fracassos e decepções de todos os anos. É, torcer pro Goiás é muito difícil. Tem que ter garra pra continuar. Essa é a pura verdade.

Creio que está na hora da torcida do Goiás começar a ter uma coisa que muitos esmeraldinos não tem e isso é necessário, principalmente nas horas ruins: humildade. A humildade que levou a Chapecoense à uma final de Sul-Americana e o Atlético Goianiense à primeira divisão. Isso vale para os jogadores que irão vir para o clube. A primeira coisa a se fazer á parar de querer se gabar do nosso passado. Como disse Vinicius de Moraes:

“…E o passado é como o último morto que é preciso esquecer para ter vida…”

É preciso entender uma coisa: o Goiás NÃO é um clube grande. Não tem porquê e não tem graça nenhuma ficar se gabando por ser o maior do Centro-Oeste, sendo que 95% dos times da região são clubes sem divisão que mal conseguem pagar uma folha salarial. Hélio Borges, um torcedor do Goiás, postou uma frase que nunca esqueci: “O Goiás se gabar por ser o Maior do Centro-Oeste é tipo a Austrália se gabar por ser a maior da Oceania”.

maxresdefaultPrecisamos parar de se gabar por Campeonato Goiano. E quando eu falo isso é manter uma cautela, e não parar de ganhar. Todo título conquistado é gratificante, não importa qual seja, mas enquanto sairmos arrotando por aí que somos os maiorais por termos ganhado um estadual mais fraco que campeonato de bolinha de gude, nossos dirigentes sempre vão entender que isso está de bom tamanho e nunca vão buscar algo a mais. Vamos sempre viver como medíocres.

Os principais fatores que deixaram o Goiás na segunda divisão foram incompetência e falta de profissionalismo. Sim, concordo. Mas não podemos negar do que a nossa própria torcida e imprensa dizia no começo do campeonato: “Goiás sobe fácil”, “Somos os gigantes da Série B”, “Temos 80 milhões em caixa”… Resultado? Quem subiu foi o Atlético e conseguimos ficar atrás até do Vila Nova. Patético, não é? Quem fala o que quer, ouve o que não quer. Hoje temos que aguentar todo tipo de gozação, por nos acharmos os maiorais, quando não somos nem metade disso.

Eu espero que em 2017, fiquemos na nossa. É hora de esquecer o quê rola nos rivais e nos concentrar em nós mesmos. É hora de refletir e não entrar na Série B com o pensamento de “a vaga já é nossa”. Acho que se eu ver um torcedor do Goiás falando em acesso antes do segundo turno, sou capaz de xingá-lo durante uma semana. Só comemoro isso quando e se, estiver de fato confirmado. A mesma coisa na Copa do Brasil. Já tem 3 anos seguidos que o Goiás é eliminado por times menores. Nesse ano, não podemos cometer o mesmo erro. Não podemos entrar de salto alto, e não importa o adversário, temos que entrar focados.

É hora de crescer, Goiás!! É hora de fazer a camisa valer a pena. Com humildade, se vai longe. Vamos reconhecer que nos tornamos um time limitado. Vamos parar de viver no passado e construir nosso presente, para que no futuro, possamos poder colher bons frutos e sonhar com um título de expressão.

Wagner Oliveira

Tags:

4 Comentários Quero comentar!

  • Na minha modesta, porém sincera opinião, o melhor texto que o colunista Wagner já escreveu para o site FE.

    Parabéns!!!

    Comentário by Juninho Bill — 29 de novembro de 2016 @ 1:20

  • Humildade precede a Honra!
    Parabéns.

    Comentário by Wendll Faleiro — 29 de novembro de 2016 @ 11:10

  • Todos do Goiás, deveria ler este texto antes de iniciarem 2017 !
    Parabéns Wagner Oliveira .

    Comentário by GLEIDMAR — 30 de novembro de 2016 @ 15:33

  • excelente texto… excelente posição, HUMILDADE É TUDO.. PARABÉNS

    Comentário by Rodrigo — 30 de novembro de 2016 @ 21:46

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário