Goiás encara Itumbiara hoje no JK, com mudanças na zaga e meio campo 18 fevereiro 2015 YGOR

O técnico Wagner Lopes chegou ao Goiás e com um discurso de ter um time bem ofensivo, mas chegando na quinta rodada do Campeonato o time tenta o melhor esquema defensivo.

Muitos torcedores consideram que a defesa alviverde não foi realmente testada. Mas o jovem zagueiro Felipe Macedo não concorda: “Todo jogo é um trabalhão.” Mesmo quando teve amplo domínio da posse de bola, o time levou sustos, como no último jogo. O 1 a 0 contra o Grêmio, de Anápolis, foi a única vez em que o Goiás não levou gol na competição.

E devido a isso o comandante técnico Esmeraldino irá providenciar mudanças na zaga, mas existem problemas mais cruciais a serem sanados como mais consistência defensiva e ofensiva no meio campo e mais jogadas de profundidade pelas laterais.O adversário de hoje, o Itumbiara, é o líder do Grupo A, com 7 pontos, tem a melhor defesa da competição. Sofreu dois gols, justamente na partida passada quando foi derrotado pela Anapolina por 2 a 0.

Wagner Lopes mais uma vez deverá deixar Felipe Menezes no banco, como uma espécie de surpresa para a etapa complementar. O zagueiro Junior Lopes perdeu a condição de titular para Alex Alves, o titular imediato seria Pedro Henrique, mas o jogador está encostado devido a um impasse na renovação de seu contrato.

Uma outra mudança no time que enfrenta o Itumbiara logo mais é no meio campo, Túlio vai para o banco e em seu lugar entra o recém contratado o volante Ygor, de 30 anos, quem veio emprestado pelo Internacional(RS). Para o ataque, Bruno Henrique, que jogou no time da divisa em 2014, irá jogar ao lado de Erik. Danilo que vinha jogando por esse setor foi liberado para acompanhar o nascimento de sua filha, em São Paulo.
“Se os jogadores adversários começarem a tocar a bola e não conseguirem entrar na nossa defesa vai ser um ponto positivo para a gente se sobressair no ataque”, deseja Bruno. Contudo, o jogador que tinha sido titular só na 1ª rodada aposta que terão de lidar com a situação contrária. “Não vão dar brecha para a gente.”

Mesmo vindo de um empate e três vitórias consecutivas, o time Esmeraldina ainda não caiu na graça dos torcedores. Mesmo sob o olhar de desconfiança, o Goiás irá tentar derrubar o time do Itumbiara, jogando e tendo um desempenho mais convincente.“No futebol, a cobrança é todos os dias”, atesta Erik.

Nenhum Comentário Quero comentar!

Nenhum comentário ainda.

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário