Errar é humano. Persistir é… 30 maio 2016 de novo
Serra Dourada, 8 de maio de 2016.
O Goiás estava vencendo o Anápolis por 1 a 0 na segunda partida da final do Goianinho, quando teve um lateral a seu favor. Juninho cobra para Wagner e não tem NINGUÉM do Goiás para disputar a segunda bola.
Jogadores do Goiás muito mal posicionados numa cobrança de lateral (Reprodução: TV ANHANGUERA).
O Anápolis dobra a marcação em cima do Wagner e recupera a posse da pelota. Depois inverte a jogada para o outro lado do campo com velocidade e nas costas do Sueliton. Na sequência, o Goiás se vê em igualdade numérica dentro da própria área. Foi fatal.
Dobra de marcação em cima do Wagner e ninguém se aproxima para disputar uma possível segunda bola (Reprodução: TV ANHANGUERA).
Anápolis inverte a jogada numa ligação direta com velocidade para explorar as costas do lateral direito Sueliton (Reprodução: TV ANHANGUERA).
Situação de 3 esmeraldinos contra 3 atacantes do Anápolis (Reprodução: TV ANHANGUERA).
Estádio JK (Itumbiara), 27 de maio de 2016.
O Goiás estava empatando em 0 a 0 contra o Brasil de Pelotas pela Série B do Campeonato Brasileiro quando teve um lateral a seu favor. Johnathan cobra para Rossi disputar de cabeça (!!!). Rossi é o menor jogador que entrou em campo pelo Verdão. E certamente um dos mais fracos fisicamente para fazer um trabalho de retenção da bola.
Goiás novamente muito mal posicionado num lateral a seu favor (Reprodução: PFC / TV GLOBO).
O Brasil de Pelotas recupera a posse da bola e inverte a jogada para o outro lado do campo com velocidade. No momento do cruzamento o Goiás se encontra em igualdade numérica novamente dentro de sua própria área. Os defensores esmeraldinos demoram muito para fazer o balanceamento e recomposição. Foi fatal de novo.
Brasil de Pelotas inverte a jogada com velocidade e parte para cima do Goiás com igualdade numérica (5×5) (Reprodução: PFC / TV GLOBO).
Depois de um lateral a seu favor, o Goiás demora para fazer a recomposição e o balanceamento do sistema defensivo. Na situação de igualdade numérica, qualquer erro individual é fatal (Reprodução: PFC / TV GLOBO).
O time sofreu um gol numa final de campeonato e menos de 20 dias depois sofre outro gol da mesma forma? Como é o posicionamento dos jogadores numa cobrança de lateral a seu favor? Existe essa formatação? Enderson Moreira está treinando essa situação? O que mais precisa acontecer para provar para diretoria que esse time é MUITO mal treinado???

 

Rodolpho Chinem

Tags:, ,

2 Comentários Quero comentar!

  • Xina, Acabei de ouvir um monte de bobagens, de falácias da Rainha da Inglaterra Esmeraldina, Sergio Rassi. Meu Deus, ou esse homem é louco, cego ou bobo. Não é possível ele ter concedido uma entrevista dessas. Resumindo, primeiro ele disse que tínhamos um time no primeiro semestre, se não me engano ainda estamos no primeiro semestre. Segundo, reiterou que o Enderson tem o grupo na mão tsc tsc tsc !!! E disse que a meta do Goiás é no segundo semestre que é um Campeonato de tiro longo !! “Num intindi o que ele falô”. Xina, sua observação é claríssima a respeito do posicionamento Esmeraldino em Campo, claro que o time está mau treinado, além de mau treinado ainda conta com jogadores que estão abaixo da linha da pobreza, no quesito condição técnica.

    Comentário by cicero jr — 30 de maio de 2016 @ 14:33

  • Bom dia!! Ainda não tive a oportunidade de ver a entrevista do SÉRGIO RASSI!!

    Mas a julgar pela contratação de hoje, fica claro que nada vai mudar no Goiás!!

    Chega de apostas, precisamos de jogadores que chegam para ser titular!!

    Começo a achar Cícero que pelo o que vc escutou da entrevista do SERGIO RASSI hoje, o planejamento é NÃO SUBIR!!

    FORA SÉRGIO RASSI!! O PIOR PRESIDENTE QUE PASSOU PELO GOIÁS!!

    Ary Jr.

    Comentário by Ary Jr. — 30 de maio de 2016 @ 15:35

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário