Empate com gosto de vitória 24 março 2014 DAVI

Um a um, foi esse o placar do primeiro jogo da semifinal entre Goianésia x Goiás, um jogo fraco tecnicamente e também mostrou que o time Esmeraldino jogou com o regulamento embaixo do braço.

Dessa forma o alviverde permanece invicto na competição, com 10 vitórias e 5 empates, e joga no próximo sábado por mais um empate e assim chegar a final, mas no Vale do São Patrício o time casa assustou logo no início da partida, Clayton Sales foi sair jogando e perdeu a bola para o atacante Paulo César que chutou da entrada da área no canto de Renan que nada pode fazer, Goianésia 1 x 0 com pouco mais de um minuto de jogo.

Após o gol sofrido o time da casa recuou e só saia em contra ataques, o Goiás tinha posse de bola mas não chegava a assustar a zaga adversária, Clayton Sales sonolento era uma avenida para o time do Goianésia.

Final de primeira etapa o Goianésia toma parcialmente a vantagem Esmeraldina.

Para a etapa complementar aquilo que já era ruim ficou pior, pois Tiago Real foi expulo após dar uma cotovelada em um jogador do Goianésia, perdendo e com um a menos, o Verdão se segurava, mas aos 8 minutos veio o empate, Davi em cobrança de falta estufou as redes de Paulo Musse.

Após o empate o jogo ficou ainda mais truncado, o time da casa estava bem na marcação e taticamente foi quase perfeito nesse jogo.

Para o último embate, o Goianésia não terá Paulo Vitor que foi punido com o cartão amarelo, é o terceiro e e ele fica de fora, outro que vai assistir ao jogo das cadeiras é o meia Carlos Alberto, que realizou tês partidas e tomou três cartões.

Para o técnico Claudinei Oliveira o empate não foi de todo ruim, “Foi um resultado satisfatório, porque estávamos perdendo por 1 a 0 e conseguimos reagir em campo. Foi um empate justo e um bom resultado se levarmos em consideração o fato de termos jogado com um homem a menos durante todo o segundo tempo. O Renan trabalhou bastante e as alterações surtiram efeito”, disse o treinador.

Reforço a vista, o Presidente do Goiás, o Dr. Sérgio Rassi disse ontem no Valdeir José de Oliveira que o Goiás busca um atacante de referência.”Será um centroavante ao estilo, do Léo Bonatini, por enquanto será o único reforço,” falou o Presidente.

Nenhum Comentário Quero comentar!

Nenhum comentário ainda.

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário