Com dois pênaltis, Goiás vence Bragantino no Serra Dourada. 8 outubro 2016 Goiás 2x1 Bragantino

A partida entre Goiás e Bragantino estava longe de ser uma partida emcoionante no estádio Serra Dourada. Com público muito baixo e uma atuação fraca, o Verdão conseguiu vencer o Bragantino – no sufoco – com dois gols de pênalti e os dois convertidos pelo atacante Léo Gamalho, que chegou a 8 gols com a camisa do Goiás e agora é o artilheiro do time ao lado do atacante Rossi.

A partida começou com um Bragantino muito recuado e o Goiás tentando trabalhar a bola sempre pelo lado direito com Rossi, que tentava servir o Léo Gamalho. A equipe esmeraldina estava bem mole em campo, e não atacava com tanto perigo. As primeiras chances vieram em cabeçadas de Gamalho e Patrick, mas que nem chegaram a assustar o goleiro do Bragantino.

O treinador do time paulista percebeu que Rossi era a principal peça do Goiás para armar jogadas e fez uma alteração logo no primeiro tempo que reforçou a marcação no jogador. A dificuldade aumentou e o Bragantino criou duas boas oportunidades de marcar o primeiro gol do jogo, mas o ataque não foi consistente o bastante.

O primeiro tempo terminou sobre vaias da torcida do Goiás, que esperava um resultado melhor. No segundo tempo, o auxiliar técnico Juninho – Gilson Kleina estava suspenso – colocou o atacante Carlos Eduardo na partida e deu mais velocidade para o ataque, obrigando o Bragantino a se abrir mais. Depois de uma confusão na área, Léo Gamalho foi derrubado e o juiz assinalou pênalti para o Verde, no qual o próprio atacante bateu e colocou no fundo da rede.

O Bragantino não desistiu do jogo e passou a explorar o maior defeito da defesa do Goiás: a bola aérea. Depois de um bom cruzamento de Alan Mineiro, Lucas Rocha subiu sozinho na área e cabeceou para o fundo das redes de Márcio. A equipe esmeraldina ficou mais pressionada para conseguir o empate e fez duas alterações mais ofensivas com Jhon Clay e Marcão entrando em campo.

O Bragantino reclamou de um lance polêmico. Depois de um cruzamento, o zagueiro Wesley Matos foi disputar uma bola com atacante e a bola resvalou no seu braço, o que gerou uma reclamação dos jogadores pedindo pênalti, mas o juiz nada marcou. Marcelo Veiga, treinador do Bragantino, reclamou muito e acabou sendo expulso pelo árbitro.

A equipe paulista respondeu com um novo cruzamento de Alan Mineiro é uma boa cabeçada de Léo Jaime, mas Márcio fez boa defesa. O Goiás tentava voltar para o jogo aos poucos e foi quando Jhon Clay foi derrubado após ser agarrado na área, e o árbitro marcou um novo pênalti para o Goiás. Léo Gamalho bateu novamente com perfeição e marcou o gol da vitória. Antes da cobrança, o juiz ainda expulsou o jogador Léo Jaime do Bragantino, por invasão de área.

Com o resultado, o Verdão chega aos 40 pontos na tabela e está na 13ª colocação. O próximo confronto é contra o Vila Nova, que tem o mesmo número de pontos que o Goiás, mas tem uma vitória a mais e um jogo a menos.

Wagner Oliveira

Tags:, ,

1 Comentário Quero comentar!

  • Verdadeiro sufoco que o verde sofre ontem viu,deu foi sorte de ter ganhado kkkk

    Comentário by Lud — 8 de outubro de 2016 @ 13:13

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário