Avassalador, Goiás brilha e goleia o Náutico de virada. 17 julho 2016 Rossi.capa

Problemas internos, cobrança da torcida, desconfiança e medo. Foi mais ou menos assim que o torcedor do Goiás foi ao estádio Serra Dourada para encarar o Náutico, pela 16ª rodada da Série B. Mesmo com uma partida sofrida, começar perdendo e até pênalti perdido, o Verde venceu o Timbu de goleada com um brilhante segundo tempo e conseguiu respirar.

A partida não começou da melhor forma. O Náutico se sobressaia muito com as jogadas de contra-ataque e o Verdão só tomava os cuidados para errar o menos possível, porém, logo aos 5 minutos, Ivan derrubou Maylson na área e o árbitro marcou pênalti. A lei do ex vingou, e Hugo (aquele de 2013), bateu no canto e abriu o placar: 0×1.

O Goiás tentava as jogadas pelas laterais. Normalmente sempre saindo dos pés de Léo Lima e Rossi, que aproveitando um bobagem do goleiro, cruzou rasteiro para Carlos Eduardo. O garoto foi travado na hora da finalização e o árbitro assinalou penalidade que caiu nos pés de Léo Lima para bater, mas diferentemente do clássico, ele bateu pra fora. Ao invés de vaias pelo pênalti perdido, a torcida o apoiou e mais tarde no jogo, ele pode se redimir.

Daniel Carvalho entrou no jogo para tentar mudar o quadro do jogo. Realmente, notava-se uma melhora. Agora tinhámos Léo Sena, Léo Lima e Daniel no jogo, que faziam a bola correr de pé em pé, e o Sena foi primordial quando colocou Rossi na cara do goleiro Júlio César, ele driblou mas o arqueiro alvirubro conseguiu tirar a bola com um tapinha, caindo para Carlos Eduardo empurrar para a rede e empatar: 1×1.

Tudo resolvido? Não. Patrick errou logo no final do primeiro tempo e Maylson deixou para Ronny sair na frente de Ivan. Ele bateu de três dedos e colocou o Timbu na frente do placar novamente: 1×2. Resultado que não deixou a torcida do Goiás muito feliz no intervalo.

Rossi.jogada

No segundo tempo, houve com um certo receio quando o Náutico conseguia trabalhar bem a bola. Hugo obrigou Ivan a fazer uma boa defesa e a nossa defesa estava pecando demais. Porém, quem tem bons jogadores no ataque, sempre consegue se virar. Rossi, sempre ele, cruzou na cabeça de Léo Lima, que desviou para a rede: 2×2. Se redimiu do pênalti perdido. É isso que um ídolo faz.

A virada veio quando Patrick, que havia errado e saído vaiado do primeiro tempo, ganhou uma disputa de bola perto da área e tocou para Rossi completar para a rede: 3×2. A festa era esmeraldina, mas o placar ainda não se fechou. Daniel Carvalho deu um presentaço novamente para Rossi e dessa vez ele não falhou ao driblar Júlio César e bater para a rede: 4×2.

Ao apito final, muita comemoração com a volta das vitórias e o pensamento de uma virada incrível na tabela voltou a surgir. Com a vitória, o Goiás chega à 18 pontos, mas ainda permanece na 16ª colocação. A próxima partida é contra o Joinville, na Arena Joinville, na terça-feira (19), ás 21h.

Wagner Oliveira

Tags:, , ,

6 Comentários Quero comentar!

  • Um susto no começo, mas eu confiava na virada.
    Um time que tem uma qualidade no qual o Goiás tem, não é possível que iria perder este jogo.
    Muito a de se ajustar, principalmente na zaga. Wesley Matos bate cabeça demais. Ele não entende com os demais companheiros. Ha de ser corrigido isto.

    Comentário by Alexandre Lima — 17 de julho de 2016 @ 12:23

  • Ótima vitória do Gigante do Cerrado , q possamos melhorar a cada jogo e emplacarmos uma sequência de vitórias. Valeu Goiás meu único time eternamente.

    Comentário by Manoel Fernandes — 17 de julho de 2016 @ 12:56

  • Amigos Esmeraldinos, sabemos que temos muito a melhorar, porém, por que não sonhar? Cabe a nós meros torcedores continuar cobrando, mas acima de tudo torcendo, pois nesta medíocre serie B não está nada decidido, então, vamos viver um jogo de cada vez. Afinal, a esperança é verde. Saudações Esmeraldinas.

    Comentário by Daniel Dias Ferreira — 17 de julho de 2016 @ 13:32

  • Ontem eu pressentia q a vitoria viria ..e ela veio ,so ta faltando uma zaga de verdade pois a q temos ta muito longe de ser a zaga do Goiás. ..e o carlos precisa de mais canxa ….agora tenho serteza q podemos pensar em acesso. ..sou verdao ,sou vedao,sou verdao de coração. …

    Comentário by Elizangela — 17 de julho de 2016 @ 13:47

  • ALGUÉM SABE DIZER SE O ROSSI TEM CONTRATO LONGO COM O GOIÁS ?

    Comentário by VALDEMAR VIEIRA — 18 de julho de 2016 @ 14:31

  • o contrato do Rossi encerra em 31/12/2016, acaba no final dessa temporada.

    Comentário by Rogério — 18 de julho de 2016 @ 16:39

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário