Até que enfim, um tiro certo no alvo! 5 julho 2015 Goiás-x-Corinthians-

O domingo promete.

Corinthians no Serra Dourada é sempre sinônimo de casa cheia.

Há tempos o Corinthians deixou de ser coadjuvante e passar vergonha em seus milhares de torcedores. Hoje é referência no futebol brasileiro.

Tem um dos três melhores técnicos em atividade no Brasil. A equipe é muito regular. Não aplica goleadas e quase nunca as sofre. Se limita a ganhar ou perder por 1×0, e caso o jogo se mostre complicado, se conforma com um empate.

Já o Goiás hoje é um barril de pólvora. A hostil recepção da delegação no aeroporto na volta de Florianópolis (SC); A ameaça de cancelamento em massa do plano de sócio-torcedor Nação Esmeraldina; além de protestos e xingamentos pelas redes sociais, fizeram a presidência reagir. Reunião com torcedores organizados e também com os comuns e o anúncio de um técnico de renome, foram algumas providências imediatas.

PRF-IPaulo Roberto Falcão é um nome de peso. Sem dúvidas. Tem expressão midiática, fama e postura de um gentleman. É do mesmo tamanho que o Goiás ou até maior. Depois de uma vitoriosa carreira como jogador, iniciou como treinador no comando da Seleção Brasileira. O time foi vice-campeão da Copa América do Chile em 1991. Era um trabalho de transição. A CBF queria apagar o fiasco da Copa de 1990, e nesse caso, não importavam os resultados em si, mas sim a formação de um novo grupo para a disputa das eliminatórias e Copa do Mundo de 1994. Entretanto, o imediatismo imperou e após alguns resultados negativos e pressão da imprensa, Falcão foi demitido sem poder dar sequência ao projeto. O treinador passou a exercer a carreira de comentarista na Rede Globo de Televisão. Em 2011 voltou a atuar como técnico, desta vez pelo clube o revelou: o Internacional. Foi eliminado em casa pelo Peñarol nas oitavas-de-final da Libertadores da América daquele ano, todavia levou o time a conquista de mais um título Gaúcho. Em 2012, assumiu o Bahia, onde também se sagrou campeão regional. Após um início de campeonato brasileiro ruim, sem as mesmas peças do estadual, foi demitido.

Ao contrário de Hélio dos Anjos, o “protegido” do diretor de futebol Harlei Menezes, Falcão foi estudar, se reclicar, se aprimorar e se aperfeiçoar na função de técnico de futebol. Para tanto, faz um intercâmbio com o clube de futebol italiano Fiorentina. Agora está pronto para voltar ao mercado de trabalho.

Vai dar certo?!? Por esse recomeço ser na agremiação esmeraldina, estarei torcendo muito para que o sucesso seja alcançado! De verdade…

SRO fato interessante de todo esse imbróglio é que foi a primeira vez que o presidente Sergio Rassi, mesmo sendo voto vencido, fez valer sua vontade. Não havia unanimidade. Os “experts” da diretoria do Goiás – responsáveis pelas contratações de Hélio  dos Anjos, pelas pérolas do vice-campeão goiano e as revelações do campeonato gaúcho – queriam algum treinador que estivesse ativo no mercado nacional e não Falcão, que não dirige nenhum clube há três anos.

Parabéns, Sergio Rassi…!! Seu voto não pode ser contabilizado como vencido, porque o seu voto como “presida”, tem que valer por pelo menos dez diretores ou conselheiros!

Contudo, Falcão não é um neófito no mundo do futebol. Certamente ele incluiu no “projeto” a contratação de reforços, e não meros jogadores para compor elenco – já inchado! -, como aqueles que o Goiás possui hoje no plantel. Resta claro que o time necessita de reforços urgente! Só a contratação de um bom técnico, também não é a solução mágica.

Pela televisão ou nas tribunas do estádio Serra Dourada, certamente Falcão assistirá o jogo de hoje contra o Corinthians. É evidente que além do fator motivacional, que é a chegada de um novo treinador, aposto minhas economias que o Felipe Menezes – pelo menos hoje! – deixará de ser “Sleepy” Menezes. É que a recepção no aeroporto mostrou a ele a impaciência dos torcedores com jogadores desinteressados! Todos estão “p…” da vida com sua manifesta preguiça em campo e sua reiterada displicência, como na batida do pênalti contra o Fluminense, por exemplo.

Para quem não sabe, quando começou a confusão no aeroporto Santa Genoveva, em que o Harlei foi abordado pelos torcedores para explicações, Felipe Menezes e Felipe Macedo deixaram para trás mochilas e sacolas no saguão, e já estavam correndo a tempos, com  fundo da calça manchado feito freada de pneu de bicicleta… Te cuida, “Sleepy”!! Chega de corpo mole!! O balde da paciência transbordou…

Por esta razão, pode ser que o Goiás não consiga ganhar do Corinthians, afinal é uma empreitada difícil. Todavia, a postura em campo será outra. Ah, se vai….! Não tenho dúvidas em relação a isso.

Isso é tudo, por hoje, Família Esmeraldina! Até domingo que vem…!! 

   Juninho BILL

(Foto: Portal Zero Hora e Portal Jornal O Popular)

 

Tags:, , , , ,

3 Comentários Quero comentar!

  • Ah Fellipe se cuida se tu hj jogar com esse corpo mole ,tu espera ,vdd viu o que adianta um técnico bom igual o Falcão com esse elenco ,vamos lá nem diretoria,contrata jogadores “bons”….. Vamos verdão que o jogo
    Vai ser tenso mais acredito num resultado positivo seja uma vitória ou um empate ….

    Comentário by ludmilla — 5 de julho de 2015 @ 15:24

  • É isso mesmo, LUD!! Precisamos de contratações também!!

    Comentário by Juninho BILL — 5 de julho de 2015 @ 15:57

  • Cumpadi que seja o início da reação, do algo há mais, da vontade de querer sair dessa situação…Torcerei e muito pelo sucesso do Falcão no Verdao e uma certeza temos ele não é bobo , sabe quem joga de verdade e quem faz de conta que joga…Sucesso professor Falcão precisamos e muito reagir no Brasileirao 2015!!!!!! Abs

    Comentário by Manoel — 5 de julho de 2015 @ 16:06

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário