Após longa reunião Presidente Esmeraldino rechaça demissão de treinador 10 julho 2012

“Enderson Moreira segue prestigiado pela direção alviverde, João Bosco Luz diz que cultura de demitir treinador por oscilações tem de ser mudada no Brasil.”

A “Síndrome da bipolaridade” do Goiás nessa série B vem deixando torcedores e dirigentes bastante incomodados, e devido a isso reuniões tem sido feitas dentro do clube. A coisa de 12 dias uma reunião longa da direção com os jogadores aconteceu, nesse “conversa” Enderson Moreira não participou, mas ontem na Serrinha uma outra reunião acabou acontecendo entre o presidente do clube e o treinador, após essa reunião foi a vez de Enderson conversar por mais de uma hora com todo o elenco em uma sala reservada no CT Edmo Pinheiro.

O presidente executivo do Goiás elogia a qualidade do elenco e exatamente por isso questiona o desempenho dentro da competição.“Este time já mostrou que tem capacidade no Goiano, na Copa do Brasil”, disse.

João Bosco fez questão de rechaçar qualquer possibilidade de demissão do treinador, dizendo que o objetivo da conversa foi para benefeciar o clube.”Precisamos mudar esta cultura do futebol brasileiro de sempre demitir o técnico quando as coisas não vão bem”, finalizou.

Mas o mandatário executivo do clube também fez questão de dizer que essa falta de regularidade não podem ser credenciados aos erros de arbitragem, João Bosco disse que erros como aconteceu no empate em 3×3 com o Bragantino bão podem tirar a responsabilidade de atletas e comissão técnica.

Tags:

3 Comentários Quero comentar!

  • Ola meus amigos do F.E, Cicero, e torcida do Verde:

    Estamos vivenciando um momento de transicao na vida do nosso Goias. Essa transicao, pfra pior e claro, ocorre principalmente em decorrencia de erros apos erros de varias Diretorias que meteram os pes pelas maos, com contratacoes equivocadissimas que ao inves de qualificar o elenco de jogadores apenas onerou e muito o caixa do Goias, razao pela qual estamos com essa divida astronomica para os moldes de Goias. Gostaria de estar aqui falando apenas de coisas alegres como por exemplo vendo o verde no G-4 e jogando o fino da bola, mas infelizmente nao posso. Este Presidente que ai esta e um torcedor assim como nos, o que nao deixa de ser um ponto positivo para ele, mas, a realidade do futebol e dura e crua e para tratar com essa “mafia” chamada Jogador de Futebol e preciso muito mais do que isso. Precisamos de nos profissionalizar o mais rapido possivel e pensar de maneira diferente ou poderemos esperar coisas muito piores em um futuro muito proximo.
    A torcida do Goias mudou muito e cresceu muito tambem e o Goias precisa achar uma maneira de saber lidar com ela, pois se o Goias ainda esta de pe e por causa da nossa paixao por esse clube que aumenta a cada dia. O Goias eh o Goias no cenario nacional e por que nao internacional por causa dessa massa verde que bota pra quebrar quando o verde esta em campo.

    Vamos Goias, vamos entrar no seculo 21, pois voce ainda esta no seculo 19. Profissionalize-se o mais rapido possivel. Torcida voce ja tem.

    Abraco a todos,

    Tony

    Comentário by Tony - Tampa Bay FL - EUA — 10 de julho de 2012 @ 13:08

  • Tá certo , então os mafiosos continuam encantuando e fazendo de refens como querem e a quem querem e nada pode ser feito? Uma organização como o Goiàs não consegue enxugar seu elenco e colocar nele apenas pessoas de carater que queiram vencer e serem honestas ? Esta história de que jogador de futebol faz o que quer é uma cultura desleixada e crua ., o que falta mesmo é comando duro pra essa praga toda ! Os caras parecem reis e príncipes , tudo que se pede pra fazer aquí ou alí eles ficam de beicinho olhando torto e recebendo altos salários . Peraê !!! Cadê o retorno do trabalho que se faz juz à esse salário ? Cadê o patrão , o dono dos porcos ? Aquele que paga toda a conta e que tira de onde seja com dificuldades ?

    Comentário by Divaldo Mendonça Borges — 10 de julho de 2012 @ 13:29

  • Essas reuniões podem até surtir ou dar algum resultado, mas pra mim o que falta ao GEC, é um diretor/gerente de futebol de verdade, cara que tenha bagagem do ramo, e de preferência linha dura, ponha regras, mas pra serem cumpridas por todos, esse elenco esta inchado e com pouca qualidade individual, tem muitos come de dorme ai que ja deveria ter vazado a muito tempo.

    Comentário by JOÃO GRANDÃO — 10 de julho de 2012 @ 14:18

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário