Agora só falta mais quatorze pontos…! 20 setembro 2015 FINAL

O que poderia de haver em comum entre os jogos, Goiás x Ponte Preta e Goiás x Joinville??

O público pífio, a luta direta e desesperada contra o rebaixamento e gol do zagueiro Fred.

Que pintura…!! Ambos os gols marcados por ele, foram lindos. O primeiro, na quarta-feira, uma cobrança de falta na gaveta, perfeita, que não tocou no travessão mas bateu, à meia altura, no fundo da rede. O segundo, hoje, uma espetacular bicicleta, que o goleiro sequer viu onde passou.

Fred e RodrigoParabéns Fred…!! Foi lindo de se ver.

Quanto aos jogo em si, o calor de (40º) das 11h castigou muito as duas equipes. Chega a ser criminoso marcar um espetáculo de futebol para o Serra Dourada nesse horário, em meados de setembro, quando a umidade relativa do ar é muito baixa e o sol escaldante.

O visitante catarinense resolveu esperar o Goiás em seu campo, evitando o desgaste e tentando segurar o empate. A equipe esmeraldina, de tanto insistir, achou o gol de Fred que inaugurou o placar. O jogo, até o final do primeiro tempo, se manteve equilibrado.

Veio o segundo tempo. As alterações promovidas por PC Gusmão, velho conhecido dos goianienses, surtiram efeito. O Joinville veio para cima da equipe verde com todas as forças. Porém, não é à toa que o time sulista é o (19º) colocado no campeonato brasileiro. Falta-lhe qualidade. Ir para frente em bloco, de forma atabalhoada, transformando o goleiro em líbero não é sinônimo de gol… Ao contrário: proporcionou ao adversário, a chance do contra-ataque.

E foi desse modo que o Goiás marcou mais dois gols com Erik. Um de pênalti sofrido por Gimenez, que o garoto bateu com categoria e outro no contra-golpe mortal puxado pelo vigoroso, rápido e voluntarioso Bruno Henrique. A assistência dele para o matador Erik, como ocorrera tantas outras vezes, foi precisa. Goiás 3×0 Joinville. Fatura liquidada.

A marca de (31) pontos foi atingida. Faltam (14) pontos para os (45), que por certo, livrarão o verde da degola. Serão (11) jogos e (33) pontos em jogo, para conseguir tal façanha. 

No que concerne aos (12) pontos disputados nos quatro últimos jogos decisivos – Sport, Avaí, Ponte Preta e Joinville – o Goiás ganhou apenas (06). Era para ter sido (10), uma vez que seria plenamente possível empatar com o Avaí em Santa Catarina, como também ganhar da “macaca” no Serra Dourada. Todavia, esse jogo estava reservado para o Julinho Camargo perder o cargo. O time não tinha vontade, volúpia e foi apático os (90) minutos. Julinho foi fritado, não se sabe ainda por quais circunstâncias, naquela quarta-feira. Há rumores que os jogadores não gostavam da metodologia de trabalho implantada por ele; Outros dizem que foi por causa dos “bixos” – premiações – atrasadas… O certo é que “gordito” caiu de uma árvore tão grande, que a maioria das pessoas não entendiam como ele tinha subido até lá. Talvez seu excessivo peso quebrou o galho que ele se apoiava… Contudo, para quem foi achincalhado, rejeitado e contestado desde o início do trabalho, Julinho até que demorou a perder o cargo.

Pois bem. Seria a hora ideal para o Goiás se organizar, replanejar, trazer um técnico de renome que fosse capaz de salvar o time do descenso com dignidade, e montar uma equipe vencedora para 2016.

arturneto_goias_site_3O problema, caros torcedores esmeraldinos, é que o diretor de futebol é o senhor Harlei Menezes. Um sujeito comprovadamente incompetente para este cargo e que sempre recorre aos “zámigo” para lhe socorrer, nas horas difíceis. Já havia sido assim com Hélio dos Anjos… Agora, o “mestre” conseguiu emplacar o rebaixado de 2010 e vice-campeão da Sul-Americana, Arthur Neto… Eita lelê!! Sempre a mesma fórmula, sempre as mesmas pessoas, sempre os mesmos métodos!! Já que queriam um “flash back”, porque não o Enderson Moreira?!? Ora, ora… Esqueceram que Enderson teve a coragem de colocar Harlei no banco de reservas após a vexatória derrota para o Cruzeiro no Mineirão, e por fim, aposentá-lo. Definitivamente, Enderson não faz parte do Clube do “zámigo”.

Uma coisa é certa: se Harlei se mostra incompetente para gerir futebol e contratar, pelo menos há de se reconhecer que o poder de persuasão dele é algo admirável… É quase uma sugestão para estudos científicos!! Como ele consegue convencer o Haillé, o Rassi e o tal Colegiado que essas suas estapafúrdias ideias podem dar certo?!?

Talvez não seja nada disso… Harlei tem carta branca porque o quê os dirigentes esmeraldinos querem mesmo é rebaixar o Goiás para a Série B, onde poderão deixar aflorar o seu suposto “gigantismo”. Só esqueceram que o Vasco vai cair também, e nesse caso, os holofotes estarão no time cruzmaltino e não no Goiás Esporte Clube!! Até para cair, tem que saber a hora certa…

Oremos!

Isso é tudo, por hoje, Família Esmeraldina! Até domingo que vem…!!

Juninho BILL

(Fotos: Portais UOL e Globoesporte.com)

Tags:, , , , , , ,

2 Comentários Quero comentar!

  • Vamos que vamos na baba de calango e esperamos sair dessa degola.

    Comentário by Manoel — 20 de setembro de 2015 @ 18:18

  • Parabéns pelo texto Juninho !,
    Grande vitoria hoje, contamos com o tempo e com o momento bom vivido pelo Fred-F4 ! Que pintura ! Eu não vou desistir desse time tão cedo só na última rodada quando desligarem os aparelhos ! Abraços Mestre!

    Comentário by Paulo Cesar — 20 de setembro de 2015 @ 19:58

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário